Suspeito de matar adolescente é preso ao tentar registrar perda de documentos em delegacia

0
13

Homem tinha mandado de prisão preventiva em aberto e era considerado foragido. Caso foi registrado em Ananás, no interior do Tocantins. Suspeito foi preso pela Polícia Civil do Tocantins
Polícia Civil/Divulgação
Após ficar foragido por nove anos, um homem foi preso nesta quarta-feira (22) suspeito de ter assassinado um adolescente de 17 anos em Araguaína, no norte do Tocantins. O suspeito foi capturado após procurar uma delegacia em Ananás para registrar a perda de documentos.
A vítima foi morta no dia 19 de fevereiro de 2013 no bairro de Fátima, em Araguaína. A investigação apontou que o crime aconteceu porque o homem, de 43 anos, suspeitava que o menor tivesse lhe furtado certa quantia em dinheiro.
Após descobrir o furto, o suspeito jurou vingança e passou a ameaçar o adolescente de morte. Três dias depois a vítima foi morta com várias facadas.
Após o crime o homem foi identificado e teve a prisão preventiva decretada, mas antes de ser capturado ele saiu da cidade e ficou foragido até procurou a delegacia para registrar uma ocorrência.
“No momento em que o indivíduo chegou à Delegacia, as equipes policiais efetuaram o levantamento de sua vida pregressa, onde foi localizado o mandado de prisão em aberto por homicídio, expedido pela Comarca de Araguaína”, disse o delegado Carlos Eduardo.
O homem foi preso pela 18ª Delegacia de Polícia Civil de Ananás e a ordem judicial foi cumprida. Depois ele foi mandado para a Unidade Penal de Tocantinópolis, onde permanecerá à disposição da Justiça.
Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.

Fonte: G1 Tocantins